joomla 1.6

Choveu e agora?

A ameaça da chuva é algo terrível para grande parte das mulheres. Independente do seu tipo de cabelo, ela pode transformar um bonito penteado em um “bad hair day” em questão de segundos e você teria de passar o resto do dia convivendo com esse fato. Como o verão já está chegando e logo a temporada de chuvas rápidas ao final da tarde também vem para pegar as desprevenidas.

 

 

Você pode usar alguns truques para evitar que o seu cabelo seja tomado pelo frizz ainda antes de sair de casa. Tudo começa com os bons cuidados com os fios logo na hora de cortar. Além de fazer um corte que lhe favoreça, você precisa manter alguma regularidade na visita ao cabeleireiro. Apará-los a cada três meses é uma das principais maneiras de evitar que as pontas ressequem e os fios quebrem.

Ainda assim, existe uma grande diferença em como proteger cada tipo de cabelo. As cacheadas têm necessidades ainda maiores justamente pelo fato de que os seus fios tendem muito mais ao frizz. Quem tem cabelos lisos e ondulados pertencem a outro grupo que sofre um pouco menos com este problema.

Dicas universais

Apesar das diferenças óbvias de cada cabelo, existem algumas dicas que valem para todas. Se você quer se ver livre do frizz de uma vez por todas, é hora de começar a adotar algumas práticas especiais como a hidratação constante e o uso de um protetor térmico.Dicas universais

Vale lembrar que esses fiozinhos arrepiados aparecem quando os cabelos já estão ressecados e nada mais são do que a prova da quebra desses mesmos fios. Sem vida, eles se arrepiam ao menor sinal de umidade. Portanto, mantenha-os muito bem hidratados para que eles não apareçam.

O protetor térmico é uma excelente forma de evitar que os seus fios se levantem. A função dele é criar uma barreira contra o superaquecimento enquanto você usa o secador ou a chapinha. Por isso, se você não vive sem essas duas ferramentas, também não pode ficar sem o seu protetor. Ambos causam uma profunda desidratação nos fios e abrem as cutículas.

Sendo assim, se você não estiver realmente precisando deles, não os use. Outra boa recomendação geral é encontrar um bom finalizador anti-frizz. Como o próprio nome já diz, ele evita que os fios arrepiem. Aplique-o nos cabelos ainda molhados e seque muito bem, sem deixar nenhuma mecha úmida.

As baixas temperaturas são muito bem recomendadas para fechar as cutículas do seu cabelo. Portanto, não tenha medo de desligar a água quente e deixar a água mais fria para finalizar os cuidados com o seu cabelo durante o banho. Isso não significa tomar um banho gelado, você vai apenas resfriar um pouquinho a água. Assim, as escamas ficarão mais juntas e evitam a perda de umidade natural.

Para salvar os cachos

Você já sabe que o seu cabelo é diferente da maioria, então trate-o muito bem. Hidratar é mais do que um luxo no seu caso, é uma necessidade de primeiríssima ordem. Portanto, procure fazer isso respeitando o intervalo mínimo de 15 dias.

Além disso, é importante que você evite ao máximo usar o secador. A mudança abrupta de temperatura e a exposição ao calor excessivo durante muito tempo danifica a estrutura dos fios, tornando-os quebradiços e quase sem vida. Por isso, deixe que os seus fios sequem naturalmente. Faça isso em um lugar em que você esteja protegida do vento e qualquer outra mudança brusca de condição climática.

Sendo assim, acordar pelo menos trinta minutos mais cedo pode garantir que os seus cabelos estarão lindos na hora de sair de casa. Se for inevitável ir para a rua com os fios molhados, lembre-se de passar um pouco de sérum. Isso vai mantê-los protegidos da umidade até que você chegue ao seu destino final.

Os lisos também sofrem

O secador pode até ser uma boa ideia em alguns casos, mas procure diminuir bastante o uso dele. Assim como nos cabelos crespos, ele pode desencadear um ressecamento excessivo muito perigoso para a saúde dos seus fios. Portanto, tente usá-lo apenas no modo “morno” ou “frio”. Isso reduz os danos e ainda ajuda a selar as cutículas, quando aliado a um bom defrizante.

Usar silicone nas pontas pode ser uma boa ideia para que os fios fiquem um pouco mais pesados nessa região e, por consequência, fiquem arrepiados com a umidade. Caso você queira prender o cabelo, faça isso sem colocar muita força, afinal ele pode ficar marcado e até mesmo ficar quebradiço naquela região.

Outros truques

Além de reduzir drasticamente o uso de secadores, chapinhas, baby liss e outras formas de calor excessivo nos seus cabelos, é interessante substituir aquele pente ou escova de plástico por um feito de madeira. Isso por que a eletricidade estática é resultado do atrito dos derivados de petróleo com o seu cabelo e isso faz com que os seus cabelos fiquem arrepiados.

Manter a oleosidade natural dos cabelos é uma boa ideia para várias situações. No caso do frizz, essa pode ser uma alternativa ainda melhor, já que mantem os fios menores no lugar. Por isso, repense a frequência com que você costuma lavar os cabelos. Se eles não são muito oleosos, você pode deixar o intervalo de um ou dois dias entre uma lavagem e outra.

Outra ideia que pode ajudar muito a evitar os fios arrepiados é ter algo para proteger a cabeça. Pode ser uma touca ou até mesmo um chapéu. Além disso, um guarda-chuva pode ser muito bom, porém não evita que a umidade envolva seus cabelos. Ainda assim, é sempre bom ter opções para que o seu cabelo continue bonito mesmo em um dia chuvoso!